PolíciaTodasCaminhoneiro tupãense e sua esposa são roubados e mantidos em cativeiro na baixada santista.

G1 G127 de janeiro de 2020
https://i1.wp.com/portal.maistupa.com/wp-content/uploads/2020/01/caminhao.jpg?fit=1200%2C675&ssl=1

A Polícia Militar em São Vicente, no litoral de São Paulo, resgatou um casal de caminhoneiros sequestrados por ladrões que roubaram o veículo da dupla. De acordo com as autoridades, um criminoso se passou por funcionário da empresa onde as vítimas iriam carregar o veículo. Ele rendeu as vítimas, que são de Tupã, e roubou o caminhão, levando-as para um cativeiro. Uma pessoa foi detida e outra cinco seguem sendo investigadas.

Conforme apurado pelo G1 nesta segunda-feira (27), uma das vítimas, um homem de 42 anos, relatou às autoridades que ele e a companheira se preparavam para carregar o caminhão em uma empresa de fretes quando foram abordados pelo criminoso, que se passava por funcionário do local.

Segundo a Polícia Civil, o suspeito estava vestido com o uniforme e o crachá da empresa. Ele afirmou que estava em contato com o patrão do casal e que possuía autorização para conduzir o carregamento. O criminoso entrou no veículo e dirigiu o caminhão, junto com uma das vítimas, até o local do suposto carregamento.

A vítima contou que, ao chegar na Avenida Salgado Filho, no bairro do Jóquei Clube, foi rendido pelo falso funcionário. Armado, o criminoso roubou os pertences do caminhoneiro e o sequestrou, levando-o para um cativeiro localizado na comunidade do Dique do Caxeta em São Vicente.

A Polícia Civil explica que o suspeito ainda pediu que outro criminoso fosse buscar a mulher do caminhoneiro, que aguardava no local do carregamento. Rendida, ela também foi levada ao imóvel onde seu marido estava. Ambos permaneceram como reféns dos criminosos e receberam várias ameaças durante o fim de semana.

Resgate

O caminhão foi recuperado algumas horas depois do crime. O motorista foi abordado por equipes da Polícia Militar, que identificaram que o veículo era roubado. Segundo a PM, o suspeito confessou que levaria o caminhão para o município de Pontaporã (MT). No entanto, ele não revelou o paradeiro das vítimas.

Já durante a tarde, uma denúncia anônima informou que o casal estava sendo mantido refém na comunidade Dique do Caxeta. Uma equipe da PM, composta pelos soldados Manente e Ritter, foi encaminhada até o imóvel onde as vítimas estavam, localizado próximo à Praça Iwaldo Martins Ferreira.

No interior da moradia, os policiais encontraram o casal sequestrado. Eles eram mantidos em um quarto pelos criminosos. Além das vítimas, os militares localizaram um aparelho celular e um simulacro de arma de fogo. Nenhum suspeito foi encontrado no interior do imóvel.

Resgatadas, as vítimas foram levadas até à Delegacia de Polícia Sede de São Vicente, onde o caso foi registrado. Ainda segundo a Polícia Civil, cinco pessoas permanecem sendo investigadas pelas autoridades. O motorista detido permaneceu à disposição da Justiça. O casal tupãense passa bem. 





Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso.


Comentários

Contato (14) 3722 8957 Endereço Rua Cherentes, 250 - 11° andar - sala 113. Tupã-SP Cep 17.600-090 e-mail: [email protected]

Enable referrer and click cookie to search for activated
error: Content is protected !!