CotidianoTodasPraça dos Pombos precisa de melhorias após ação de vândalos.

Jornal Diário Tupã Jornal Diário Tupã30 de outubro de 2019
https://i0.wp.com/portal.maistupa.com/wp-content/uploads/2019/10/praca-dos-pombos.jpg?fit=1200%2C675&ssl=1

A Praça “Júlio Rodrigues”, conhecida como  “Praça dos Pombos”, na Vila Inglesa, já foi muito frequentada em um passado recente. Mas, atualmente, com outras áreas de lazer criadas na cidade, os jovens migraram para outros pontos da cidade, como o Parque Linear,  “Fimdalinha”, Praça dos 100 Anos da Imigração Japonesa, e outras conveniências que surgiram na cidade.

Com outras opções de lazer, as antigas praças já não recebem a mesma atenção de antes, inclusive do poder público. A “Praça dos Pombos” que faz referência, não somente aos casais, mas às casas de pombos instaladas no local, já não possui o mesmo aspecto de antes. Os monumentos da praça já foram depredados e pichados. Cestos para coleta de lixo e bancos também foram quebrados pelos vândalos.
Apesar do aspecto da praça ter mudado, o hábito daqueles que ainda a frequentam continua o mesmo. O local sofre com sujeira e as novas chuvas aumentam ainda mais a vegetação da praça. Para melhorar o aspecto do local, a artista plástica Mari Pavanelli realizou uma pintura em grafite, na caixa d’água da praça, que ainda é visitada por alguns frequentadores.

Limpeza

Apesar da prioridade da limpeza, dada às praças com maior movimentação, o secretário Municipal de Agricultura e Meio Ambiente, José Rodrigues, o  “Zé Vinagre”, disse que a pasta possui cronograma para realizar o serviço nas 58 praças da cidade.  “Nas praças mais movimentadas, a limpeza é mais constante”, disse o secretário, ao destacar que somente a Praça da Bandeira recebe limpeza duas vezes por mês. “O serviço de limpeza nas praças ocorre diariamente, mas temos poucos funcionários para isso. Contamos com apenas 15 garis para cuidar da cidade inteira”, acrescentou.
Vale lembrar que, com a chegada de altas temperaturas, intercaladas com períodos de chuvas, a manutenção nas praças deve ser constante para evitar o surgimento de novos focos de proliferação de mosquitos transmissores da dengue, chikungunya, zika vírus, febre amarela e leishmaniose.

Denúncias sobre a presença de mato alto ou sujeira nas praças públicas, podem ser encaminhadas para a Ouvidoria Municipal, pelo telefone: 0800-773-1600.





Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso.


Comentários

Contato (14) 3722 8957 Endereço Rua Cherentes, 250 - 11° andar - sala 113. Tupã-SP Cep 17.600-090 e-mail: [email protected]

error: Content is protected !!