PolíticaTodasPL e PSB se unem para formar bloco parlamentar. Novo grupo vai contar com cinco vereadores e será o maior da Câmara Municipal

Redação Redação8 de outubro de 2019
https://i0.wp.com/portal.maistupa.com/wp-content/uploads/2019/10/bloco-.jpg?fit=1200%2C675&ssl=1

O PL e o PSB anunciaram no início desta semana que estão se unindo para formar um novo bloco parlamentar na Câmara Municipal. O grupo vai contar com Alexandre Scombatti e Amauri Mortágua, ambos do PL, e com Charles dos Passos, Osmidio Castilho e Renan Pontelli, do PSB.
“Nosso foco é atuar de maneira independente. O objetivo é trabalhar para agilizar medidas que sejam benéficas para nossa cidade e para os tupãenses”, definiu o vereador Amauri Mortágua, que vai liderar a composição.
Na manhã da última terça-feira, os vereadores do bloco PL/PSB se reuniram com o prefeito Caio Aqui para comunicar a criação do grupo e apresentar, em linhas gerais, a filosofia de trabalho que irá conduzir suas ações na Câmara.
“Apesar de funcionar como um bloco, os vereadores terão liberdade para, quando for o caso, agir de maneira independente, sempre respeitando o espírito democrático”, acrescentou Mortágua.
No plenário da última sessão da Câmara, Amauri delineou o formato e a filosofia do bloco, anunciando “o encontro com o prefeito, dentro do espírito de cordialidade, de respeito, de harmonia e independência entre os poderes”, mas destacou que o grupo não será alinhado e nem se constituirá em base de apoio do Executivo.
“Vamos discutir e analisar projetos e, caso a caso, definir a posição do bloco, se de consenso ou individual”, destacou.
Para o chefe do Executivo, a nova composição pode representar um estreitamento ainda maior nas relações entre Prefeitura e Câmara.
“Estamos todos trabalhando com um objetivo único, que é promover o desenvolvimento de Tupã”, frisou Aoqui.

Avaliação

Durante o encontro, o prefeito colocou a estrutura do Executivo à disposição dos integrantes do bloco parlamentar, abrindo espaço para eventuais consultas e o esclarecimento de dúvidas sobre temas de grande importância, como orçamento, plano diretor e outros.
No encontro, os parlamentares pediram que o prefeito envie à Câmara informações sobre o impacto financeiro do projeto de empréstimo de R$ 18 milhões que está no Legislativo, além de sua somatória com o pagamento dos encargos de empréstimos já realizados pelo município quando adquiriu veículos e maquinário e com as obras da macrodrenagem, que terão pagamentos mensais.
“O Bloco quer avaliar a capacidade financeira do município em pagar todos estes empréstimos sem comprometer a prestação e o investimento nos serviços públicos indispensáveis à população”, detalhou Mortágua.





Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso.


Comentários

Contato (14) 3722 8957 Endereço Rua Cherentes, 250 - 11° andar - sala 113. Tupã-SP Cep 17.600-090 e-mail: [email protected]

error: Content is protected !!