CotidianoTodasMorador restaura ponto de ônibus por conta própria

Redação Redação5 de setembro de 2019
https://i0.wp.com/portal.maistupa.com/wp-content/uploads/2019/09/ponto.jpg?fit=1200%2C675&ssl=1

Com a possível rescisão contratual da empresa Trans VLP, já solicitada à Prefeitura de Tupã, outro serviço que poderá ser prejudicado, além da paralisação dos ônibus circulares, é a reforma dos pontos de ônibus. 

A empresa MB Mídia tinha previsão de concluir a reforma nos pontos de ônibus com abrigos até o final deste ano. Os serviços estão em andamento com instalação de novos bancos, estrutura de vidro e cobertura. 

Vale lembrar que muitos pontos de ônibus continuam abandonados. Segundo a empresa, esses pontos de ônibus já não fazem mais parte das paradas previstas no novo itinerário das circulares. Ainda assim, muitos passageiros utilizam esses espaços para esperar os ônibus. E a sua maioria não possui condições de abrigar os passageiros que continuam esperando as circulares expostos ao sol e à chuva.

Mas como já está se transformando em prática comum em Tupã, a própria população decidiu “dobrar as mangas” e fazer o que está ao seu alcance para melhorar os serviços que deveriam ser prestados pelo poder público. Um dos exemplos mais recentes foi o caso de moradores que utilizaram dos seus próprios recursos para  asfaltar  suas ruas. Eles utilizaram cimento para tapar os buracos que prejudicavam o trânsito no local. 

Quem passa pela Rua Brasil observa que um ponto de ônibus, que recentemente estava destruído, agora está reformado. Mas a reforma não foi realizada pelos órgãos que cuidam desse serviço. Um morador que observou o estado de abandono, reformou o ponto de ônibus por conta própria. Ele realizou a pintura, colocou um novo assento de madeira e uma cobertura de material metálico.





Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso.


Comentários

Contato (14) 3722 8957 Endereço Rua Cherentes, 250 - 11° andar - sala 113. Tupã-SP Cep 17.600-090 e-mail: [email protected]

error: Content is protected !!