PolíticaTodasTribunal de Justiça extingue processo contra vereador Tiago Matias

Assessoria Assessoria13 de agosto de 2019
https://i0.wp.com/portal.maistupa.com/wp-content/uploads/2019/08/matias8.jpg?fit=1200%2C675&ssl=1

O Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo extinguiu a ação criminal na qual o vereador Tiago Matias respondia por corrupção passiva. No dia 9 deste mês, três desembargadores, que julgaram o habeas corpus impetrado pela defesa do parlamentar, entenderam que não houve crime.

Matias foi acusado pelo seu ex-assessor de ter negociado parte de um futuro salário caso o mesmo eventualmente se tornasse secretário da Juventude. O caso chegou até o Ministério Público que abriu inquérito para investigar o parlamentar por suspeita de improbidade administrativa e corrupção passiva. A Justiça em Tupã acatou a denúncia. “Impetramos com um pedido de habeas corpus no Tribunal de Justiça defendendo que não houve crime”, explicou o advogado Ricardo Negrão.

Após a análise do TJ-SP, os três desembargadores entenderam que não houve crime. “O processo foi extinto, foi uma decisão unânime, ou seja, não houve voto contra ao habeas corpus. A ação criminal foi extinta, não há mais processo. Tiago Matias não ficará inelegível, pois com essa decisão é como se não tivesse existido o processo”, destacou o advogado.

Com a extinção do processo, Tiago Matias disse que a Justiça foi feita ao decidir que ele não cometeu crime algum para que houvesse a ação criminal. “Eu acredito que Deus me permitiu passar por tudo isso para aprender da maneira mais dolorosa enfrentar a maldade que existe no coração de alguns seres humanos. Meus pais me ensinaram a ter dignidade. Fui acusado sem ter culpa, me doeu profundamente responder algo que eu não tive culpa nenhuma”, comentou.

O parlamentar acredita ter sido vítima de uma armação ardilosa, invejosa e política. “Foi um período muito difícil, no qual sofremos eu e minha família. Mas eu sempre mantive a esperança que minha inocência seria provada. Quero agradecer a Deus, à família, aos amigos e aos meus advogados que sempre estiveram ao meu lado me dando forças para superar esse momento e provar minha inocência”, destacou.

Tiago Matias destacou que a extinção do processo tornou-se um motivo a mais para ele continuar a trabalhar pela população de Tupã, especialmente para aqueles que mais precisam do poder público. “Atendo a todos no meu gabinete ou na rua, nunca perguntei se votaram ou não votaram em mim porque eu me preocupo com os problemas da cidade. Vou continuar honrando meu mandato”, destacou.





Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso.


Comentários

Contato (14) 3722 8957 Endereço Rua Cherentes, 250 - 11° andar - sala 113. Tupã-SP Cep 17.600-090 e-mail: [email protected]

error: Content is protected !!