DestaquePolíciaTodasMonstruosidade

Redação Redação1 de novembro de 2018
https://i2.wp.com/portal.maistupa.com/wp-content/uploads/2018/11/estupro-bastos.jpg?fit=668%2C535&ssl=1

Mulher era mantida em carcere privado em Bastos. A vítima vinha sendo estuprada há pelo menos 2 dias e sofreu diversas agressões. Polícia Militar prendeu o infrator. 

Na noite desta quarta-feira os Cabos Polato e Padovesi, da Polícia Militar de Bastos acompanharam um oficial de justiça até uma granja na zona rural de Bastos, para que fosse comunicado uma medida protetiva em desfavor de um homem. A medida protetiva visava impedir que ele se aproximasse da residência de seus familiares. 

Ao chegar no local o homem atendeu o oficial de justiça e os policiais com extrema agressividade, e em dado momento se apoderou de uma faca. Os policiais negociaram com o indivíduo para que ele entregasse a arma, e ele acabou cedendo. No momento em que ele foi ser algemado, ele reagiu e investiu contra os policiais, sendo necessário o uso de força física e técnicas de imobilização, para que ele fosse contido e conduzido para Delegacia de Polícia. 

Neste momento os policiais entraram na residência, afim de averiguar se não havia nada de ilícito, quando para surpresa deles encontraram uma mulher trancada em um dos cômodos da residência. A vítima, que estava muito machucada e com os cabelos cortados, relatou aos policiais que era ex-namorada do indivíduo, e que havia sido agredida por ele no último domingo, mas que havia conseguido correr, e na segunda-feira, ele a pegou usando de força, e levou para aquele local, e que além de bater muito e cortar-lhe o cabelo, ela foi obrigada a praticar sexo com ele por diversas vezes, sempre com muita brutalidade e violência. Segundo a vítima o indivíduo havia dito que iria cortar os dedos dela naquela noite e que a mataria em seguida. 

O infrator foi encaminhado para Delegacia de Polícia de Bastos, onde foi autuado em flagrante delito por estupro, cárcere privado, lesão corporal, injúria, ameaça, resistência e violência doméstica. Apoiaram nesta ocorrência, Sargento Nascimento, Cabos, Elias, Edson e Morini. A vítima foi levada pra o hospital onde passou por atendimento médico. 

Redação Mais Tupã!





Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso.


Comentários

Veja também

Contato (14) 3722 8957 Endereço Rua Cherentes, 250 - 11° andar - sala 113. Tupã-SP Cep 17.600-090 e-mail: [email protected]